Apresentação

Ursula Blattmann, Eliana Maria dos Santos Bahia

Resumo


 

Dar continuidade a trajetórias iniciadas requer conhecer a importância da história e escolher alternativas para o novo tempo da informação instantânea na tela do computador.

Aceitar desafios, viabilizar sonhos e repensar a Arquivologia, foram verbos que fizeram parte do cotidiano desta Comissão Editorial, que se dispôs, a retomar o trabalho de publicação da ÁGORA, revista da Associação de Amigos do Arquivo Público do Estado de Santa Catarina e a contar com a parceria do Curso de Graduação em Arquivologia da Universidade Federal de Santa Catarina.

Nós, da Comissão Editorial, resolvemos dividir o trabalho com profissionais que formaram o Conselho Consultivo, colaborando, assim, para ampliar o circulo dos envolvidos no trabalho enquanto editores, autores, avaliadores, leitores que compõem essa revista.

Esta edição tem, portanto, dupla função: a de dar continuidade à publicação da ÁGORA, e a de apresentar a produção crítica realizada pelos colegas da Arquivologia; o que reflete, através dos artigos aqui publicados, características de um curso ímpar e híbrido que se configura pela possibilidade de ir e vir, de transitar pelas teorias existentes na contemporaneidade, de apresentar caminhos alternativos no intuito de provocar reflexões, propor diálogos entre a prática e os referenciais teóricos.

Apresentamos à comunidade técnico e científica, o número 42 constituído de um conjunto de sete textos que passaram por uma seleção durante o retorno das atividades de migração da revista (do impresso ao digital) realizado no primeiro semestre de 2011. E o lançamento da ÁGORA no II Seminário de Arquivologia, no Auditório da Reitoria da Universidade Federal de Santa Catarina, dia 26 de setembro de 2011.

Os textos recebidos para a edição são de colegas envolvidos com a Arquivologia: Tabela de temporalidade da UFSC em formato eletrônico: otimizando o sistema, de Eliana Maria dos Santos Bahia e Ezmir Dippe Elias; Cultura e cidade: o problema da preservação do patrimônio urbano, de Carlos Eduardo dos Reis; La formación del archivólogo en los estudios de postgrado en Venezuela, de Ana Virginia Tovar Alvarado; Arquivometria de Adilson Luiz Pinto;  Gestão da produção documental no Poder Judiciário do Estado do Amazonas, de Erzenildo de Oliveira Freitas; Empreendedor no ambiente da informação, de José Francisco Bernardes e Ursula Blattmann; e, Mapeamento dos arquivos escolares: história, memória e preservação de documentos de Eva Cristina Leite da Silva.

O nosso especial agradecimento ao Diego Abadan em oferecer apoio logístico (hospedagem no servidor) e as bolsistas Leolíbia Luana Linden e Dayane Francielle Balthazar da Cunha pela digitalização, entrada de metadados, conferencia visual,  e, a Luiza Helena Goulart da Silva pela capa. Sabemos que para chegar longe precisamos caminhar juntos!

Desejamos uma proveitosa leitura!

 

 

 

Editoras

 

     Ursula Blattmann  e  Eliana Maria dos Santos Bahia

 

 


Palavras-chave


Arquivologia; ÁGORA

Texto completo:

PDF/A

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2014 ÁGORA ISSN 0103-3557



ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia