A função arquivística de preservação da informação e suas relações interdisciplinares na ciência da informação

Claudio Muniz Viana

Resumo


Aborda a questão da preservação da informação, envolvendo os discursos presentes na ciência da informação e arquivística, analisando os fundamentos teóricos e conceituais destes campos científicos interdisciplinares, buscando identificar questões relevantes para a preservação da informação. Aponta reflexões teóricas e iniciativas da comunidade arquivística nacional e internacional em torno dos conceitos e especificidades da preservação. Traz como resultados alcançados, no âmbito das práticas arquivísticas executadas na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro, um indicativo da literatura arquivística e da ciência da informação para a implementação de um gerenciamento administrativo de preservação, na qual a seleção de prioridades e a conservação preventiva devem ser um norte a ser seguido pelos arquivistas, conservadores, arquitetos e demais profissionais envolvidas nas atividades de preservação e disseminação da informação arquitetônica.


Palavras-chave


Preservação da informação; Documentos arquivóisticosFunção arquivística;

Texto completo:

PDF/A

Referências


ALBRECHT-KUNSZERI, Gabriella. Setting up a preservation policy for archives in Hungary: first steps. Proceedings of the International Conferences of the Round Table on Archives XXXIV CITRA. Budapeste: ICA, 1999. p. 121-126. Disponível em: . Acesso em: 01 jul. 2010.

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Dicionário brasileiro de terminologia arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2005. 232p. (Publicações Técnicas, 51)

BORKO, H. Information Science: What is it? American Documentation, v.19, n.1, p.3-5, Jan. 1968.

BUSH, Vannevar. As we may think. The Atlantic Magazine, 1945. Disponível em: Acesso em: 20 jan. 2011.

CAMARGO, A. M. D. A.; BELLOTTO, H. L. (Coord.). Dicionário de terminologia arquivística. São Paulo: Associação dos Arquivista Brasileiros, 1996. 142p.

CAPURRO, Rafael. Epistemologia e Ciência da Informação. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO – ENANCIB, 5. Anais... Belo Horizonte: ECI/UFMG, 2003. 19p.

CONWAY, Paul. Archival preservation practice in a nationalwide context. In: JIMERSON, Randall C. American archival studies: readings in theory and practice. Chicago: The society of American archivist, 2000. p. 494-518.

FONSECA, Maria Odila Kahl. Arquivologia e Ciência da Informação. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2005. 121p.

FORDE, Helen. Preservation as a strategic function and an integrated component of archives management; Or can we cope without it? Proceedings of the International Conferences of the Round Table on Archives XXXIV CITRA – Budapeste: ICA, 1999. p. 21-29.

GIL, Antônio Carlos. Estudo de caso: fundamentação científica - subsídios para coleta e análise de dados – como redigir o relatório. São Paulo: Atlas, 2009. 148p.

HOLLÓS, Adriana Cox. Entre o passado e o futuro: os limites e as possibilidades da preservação documental no Arquivo Nacional do Brasil. 2006. 99 f. Dissertação (Mestrado em Memória Social)—Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

JAPIASSÚ, Hilton. Interdisciplinaridade e patologia do saber. Rio de Janeiro: Imago, 1976.

JARDIM, José Maria. A invenção da memória nos arquivos públicos. Ciência da Informação. v. 25, n. 2, 1995.

LE COADIC, Yves-François. A Ciência da Informação. 2. ed. rev. e atual. Brasília: Briquet de Lemos, 2004.

PINHEIRO, Lena Vânia Ribeiro; LOUREIRO, José Mauro Matheus. Traçados e limites da Ciência da Informação. Ciência da Informação, Brasília, v.24, n.1, p.42-53, jan./abr. 1995.

PINHEIRO, Lena Vânia Ribeiro. Processo evolutivo e tendências contemporâneas da Ciência da Informação. Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia, v.1, n.1, 2006.

SHERA, Jesse H.; CLEVELAND, Donald B. History and foundations of Information Science. ARIST - Annual Review of Information Science and Technology, Washington, v.12, p. 249-275, 1977.

SILVA, Armando Malheiro da. A informação: da compreensão do fenômeno e construção do objecto científico. Porto: Afrontamento, 2006. In: SILVA, Sérgio Conde de Albite. A preservação da informação arquivística governamental nas políticas públicas do Brasil. Rio de Janeiro: AAB/FAPERJ, 2008.

SILVA, J. G. Ciência da Informação: uma ciência do paradigma emergente. In: PINHEIRO, Lena Vania. Ciência da Informação, Ciências Sociais e interdisciplinaridade. Brasília: IBICT, 1999. 182p.

SILVA, Sérgio Conde de Albite. Algumas reflexões sobre preservação de acervos em arquivos e bibliotecas. Rio de Janeiro: Academia Brasileira de Letras, 1998.

SILVA, Sérgio Conde de Albite. A preservação da informação arquivística governamental nas políticas públicas do Brasil. Rio de Janeiro: AAB/FAPERJ, 2008.

SOUSA, Renato Tarciso B. Os princípios arquivísticos e o conceito de classificação. In: RODRIGUES, Georgete Medleg; LOPES, Ilza Leite. (Org.). Organização e representação do conhecimento na perspectiva da Ciência da Informação. Brasília: Thesaurus, 2003, v. 2, p. 240-269.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2014 ÁGORA ISSN 0103-3557



ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia