Apresentação, v. 26, n. 52, 2016

Ursula Blattmann, Eliana Maria dos Santos Bahia, Juliana Fachin

Resumo


O presente editorial menciona o papel da Revista ÁGORA no que há de novo no meio acadêmico e profissional. Os colegas escrevem sobre pesquisas, reflexões, relatórios, Trabalho de Conclusão de Cursos, e temas debatidos na área da Arquivologia. Acendemos este número com a institucionalização da Revista ÁGORA no Departamento de Ciência da Informação na Universidade Federal de Santa Catarina. Precisamos de profissionais com visão de futuro, foco estratégico, e que assumam compromissos éticos (atitudes) e características de liderança eficaz, além da utilização de todo o seu potencial criativo, um trabalho que prima pela qualidade da revista ÁGORA. Valorizamos a originalidade na reflexão. Surpreende-nos a submissão de textos que já foram publicados em eventos e em outros periódicos técnico-científicos. A ciência necessita sempre rever pontos, estratégias e, se necessário, redirecionar ou reformular totalmente a visão do fazer científico. Assim, retiramos de nosso prelo artigos, mas, que no momento final observou-se que já haviam sido publicados em outros canais de comunicação científica. A mudança de paradigmas é um processo lento que implica em mudanças de crenças, valores e atitudes que vêm permeando a Revista ÁGORA nos seus 31 anos de existência. A edição do volume 26, número 52, de 2016, constituída por textos: Princípio da territorialidade: trajetórias e definições de Fernando Gabriel Corrêa e Angelica Alves da Cunha Marques; Arquivo e centro de documentação: semelhanças e diferenças, teoria e prática de Francisco Weliton Souza; Informação pessoal: uma sondagem sobre a aplicação da lei de acesso à informação no Poder Executivo Federal de Welder Antônio Silva e Renato Pinto ÁGORA, ISSN 0103-3557, Florianópolis, v. 26 n. 52, p. 03-04, jan./jul., 2016. 4 Venâncio; Outsourcing em arquivos públicos: uma análise crítica sobre a gestão documental terceirizada por Giseli Milani Santiago Balbino e Welder Antônio Silva; Implantação do sistema Kanban como instrumento de controle dos documentos de Marcelo Cavaglieri e Jordan Paulesky Juliani; A indexação na recuperação da informação em arquivos: uma abordagem inicial de Mariane Costa Pinto; Revistas de extensão e o acesso aberto ao conhecimento: mapeamento dos periódicos eletrônicos no Brasil de Simone Machado Firme, Tatiane Priscila Pinto Correa, Angélica Conceição Dias Miranda, Milton Shintaku; Trabalho de Conclusão de Curso Registros civis públicos: a situação dos arquivos no núcleo da região metropolitana de Florianópolis de Camila Schwinden Lehmkuhl e Eva Cristina Leite da Silva. Agradecemos a colaboração de todos os envolvidos nessa edição: autores, avaliadores, revisores, colaboradores, equipe do Arquivo Público do Estado Santa Catarina e Departamento de Ciência da Informação e em especial ao Curso de Graduação em Arquivologia da Universidade Federal de Santa Catarina por dar continuidade a nossa ÁGORA. Desejamos boa leitura e sucesso na jornada pessoal e profissional! Florianópolis, 21 de junho de 2016. Ursula Blattmann, Eliana Maria dos Santos Bahia e Juliana Fachin Editoras da Revista Ágora 

Palavras-chave


Trabalho de Conclusão de Curso; Artigos científicos; Arquivologia

Texto completo:

PDF/A

Referências


ÁGORA: Revista do Arquivo Público do Estado de Santa Catarina & Curso de Arquivologia da Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, v. 26, n. 52, p. 1-218, jan./jun., 2016.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 ÁGORA ISSN 0103-3557

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia