Cartografia dos profissionais de arquivo na UFRJ

Flavio Monteiro da Trindade, Anna Carla Almeida Mariz

Resumo


Quem é o profissional de arquivo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)? A partir da implementação do Sistema de Arquivos da UFRJ foi realizado uma pesquisa no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Gestão de Documentos e Arquivos da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (PPGARQ-UNIRIO para identificação de todos os servidores da universidade envolvidos com as atividades de gestão de documentos e os impactos de suas ações. Este artigo compila uma parcial da pesquisa no que diz respeito ao perfil dos servidores Arquivistas e Técnicos de Arquivo. A opção pela publicação desses dados é com o objetivo de mostrar como é a percepção desses profissionais dentro da maior universidade do Brasil e os obstáculos para desenvolvimento de suas atividades, tão comuns na administração pública federal. O trabalho foi realizado por meio da coleta de dados através de questionários objetivos e entrevistas estruturadas e, por fim, análise dos dados apurados.


Palavras-chave


Arquivista; Arquivologia; Gestão de Documentos; Profissional de Arquivo; Sistemas de Arquivo; Técnico de Arquivo; Arquivos Universitários

Texto completo:

PDF/A

Referências


BRASIL. ARQUIVO NACIONAL. I Workshop com as instituições federais de ensino superior. Arquivo Nacional, 26- 29 set. 2006. Disponível em: http://www.arquivonacional.gov.br/images/conteudo/artigos/reunioes_ifes/registro_do_i_workshop_com_as_ifes.pdf. Acesso em: 26 out. 2017.

BRASIL. ARQUIVO NACIONAL. Portaria n. 92, de 23 de setembro de 2011. Aprova o Código de Classificação e a Tabela de Temporalidade e Destinação de Documentos de Arquivo relativos às Atividades-Fim das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES). 26 set. 2011. Diário Oficial da União, Brasília, DF., 26 set. 2011.

BRASIL. Portaria MEC n. 1.261, de 23 de dezembro de 2013. Determina a obrigatoriedade do uso do Código de Classificação e a Tabela de Temporalidade e Destinação de Documentos de Arquivo relativos às Atividades-Fim das Instituições Federais de Ensino Superior, aprovado pela Portaria nº 92 do Arquivo Nacional, de 23 de setembro de 2011, pelas IFES e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF., 24 dez. 2013.

BRASIL. Portaria UFRJ n. 2.726, de 29 de março de 2016. Cria o Sistema de Arquivos no âmbito da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Boletim, Rio de Janeiro, n. 12, 30 mar. 2016. Disponível em: http://www.museunacional.ufrj.br/semear/docs/12-2016-extraordinario.pdf. Acesso em: 26 out. 2017.

CARVALHO, Priscila Freitas de. CIANCONI, Regina de Barros. A gestão de informações arquivísticas sob a vigência da lei de acesso à informação em ambiente universitário. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 16., 2015, João Pessoa, PB. Anais [...]. João Pessoa:UFPB, 2015.

CHAGAS, Anivaldo Tadeu Roston. O questionário na pesquisa científica. Administração OnLine: Prática, Pesquisa, Ensino, São Paulo, v.1 n. 1, p. 23-48, 2000.

COSTA, Alessandro Ferreira. LIMA, Eliane Bezerra. A representação do arquivista em obras de ficção: perspectivas do profissional sob o olhar do cinema e da televisão. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 2, n.1, p.103-119, jan./jun. 2012

E1. Entrevista concedida a Flavio Monteiro da Trindade. Rio de Janeiro, 22 maio 2018.

INDOLFO, Ana Celeste. O uso das normas arquivísticas no estado brasileiro: uma análise do Poder Executivo Federal. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) Instituto Brasileiro de Informação, Ciência e Tecnologia. Universidade Federal Fluminense, 2008.

JARDIM, José Maria. A implantação da lei de acesso à informação pública e a gestão da informação arquivística governamental. Liinc em Revista, Rio de Janeiro, v.9, n.2, p.383-405, 2013.

JARDIM, José Maria. Caminhos e perspectivas da gestão de documentos em cenários de transformações. Acervo: Revista do Arquivo Nacional, Rio de Janeiro, v.28, n.2, p.19-50, 2015.

PAES, Marilena Leite. Arquivo: teoria e prática. Rio de Janeiro: FGV, 1991.

RONCAGLIO, Cynthia. O papel dos arquivos das instituições federais de ensino superior e a experiência do Arquivo Central da Universidade de Brasília. Revista Íbero-Americana de Ciência da Informação, Brasília, DF., v. 9, n. 1, p. 178-194, jan./jun.2016

SCHMDIT, Clarissa Moreira dos Santos. Arquivologia e a construção de seu objeto científico: concepções, trajetórias, contextualizações. Tese (Doutorado), Escola de Comunicação e Artes. Universidade de São Paulo, 2012.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 ÁGORA: Arquivologia em debate

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia