"Archivo Catharinense": um ideal proposto

Walter Fernando Piazza

Resumo


José Boiteux (1865-1934), no seu afã de desvendar a His tOria Catarinense, numa peregrinação incessante, dentro e fora do Estado Natal, não mediu esforços para realizar o seu intento. O seu melhor biúgrafo, Dante Martorano (1), tratou da sua ação, como semeador de estátuas, de placas e incentivador da cultura em terras catarinenses. Henrique Fontes (2) annominou-o de "patriarca do ensino superior", no nosso Estado. A sua ação na implantação de instituiçães culturais tem sido, também, analisada.

Palavras-chave


Arquivo Público; Preservação; Documentos; História Catarinense; José Boiteux

Texto completo:

PDF/A

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2014 ÁGORA ISSN 0103-3557



ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia