A teoria do conhecimento em arquivologia e suas implicações, a partir da identificação de seu (s) objeto (s) de estudo

Daniele de Vargas Michelotti, Glaucia Vieira Ramos Konrad

Resumo


Na Arquivologia existe a dualidade de conceitos para o objeto de estudo desta área: documento e informação. O estudo foi embasado na identificação de conceitos utilizados por diferentes autores que estabelecem definições de objeto de estudo. O objetivo geral consistiu em identificar os caminhos que conduzem a teoria do conhecimento em Arquivologia e suas implicações, partindo da identificação de seu(s) objeto(s) de estudo e como objetivos específicos: contribuir com as reflexões epistemológicas da área; colaborar na busca de elementos que proporcionem fundamentação teórica da arquivologia enquanto área de conhecimento; contextualizar o desenvolvimento dos conceitos dos objetos da arquivologia. A metodologia foi a reflexão descritiva, de caráter qualitativo, fundamentada em pesquisa bibliográfica. Entende- se que tanto os princípios, teorias quanto os objetos científicos de uma área, são frutos de construções e contextos que se formaram durante seu desenvolvimento e vão sendo revisitados/repensados, modificando-se durante o tempo. Acredita-se não ser possível desvincular informação e documento, portanto, considera-se como objeto de estudo da Arquivologia, o documento de arquivo com a finalidade de dar acesso à informação.


Palavras-chave


Arquivologia; Documento; Informação

Texto completo:

PDF/A

Referências


BARTALO, L.; MORENO, N. A. Gestão em arquivologia: Abordagens múltiplas. Londrina: Eduel, 2008.

BELLOTO, H. L. Arquivística: Objetos, princípios e rumos. São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo, 2002.

BELLOTTO, H. L. Arquivos permanentes: tratamento documental. São Paulo: T. A. Queiroz, 2006.

BELLOTO, H. L. O papel instrumental dos arquivos e as qualidades profissionais do arquivista. Ágora. Florianópolis. v. 22, n. 44. 2012. Disponível em: . Acesso em 3 maio, 2016.

BELLOTTO, H. L, Arquivologia: objetivos e objetos. [s.d.], [s. l.]. Disponível em: . Acesso em: 6 mar. 2016.

BOURDIEU, P., CHAMBOREDON, J. C. E PASSERON, J.C. A profissão de sociólogo- preliminares epistemológicas. Petrópolis: Editora Vozes, 2000.

COUTURE, C.; MARTINEAU, J.; DUCHARME, D. A formação e a pesquisa em arquivística no mundo contemporâneo. Trad. Luis Carlos Lopes. Brasília: Finatec, 1999.

DI MAMBRO, G. R. Glossário Básico de Arquivologia. Universidade Federal de Juiz de Fora – Arquivo Central. Juiz de Fora, 2013.

FONSECA, M. O. Arquivologia e ciência da informação. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

GARCIA, O. M.; SCHUCH JUNIOR, V. F. A aplicação da arquivística integrada, considerando os desdobramentos do Processo a partir da classificação. Informação & Informação, Londrina, v. 7, n. 1, p. 41-56, jan./jun. 2002.

HEREDIA HERRERA, A. Achivística general- Teoría y práctica. 5. ed. Sevilla, Espanha, 1991.

JARDIM, J. M. A Pesquisa em Arquivologia: um cenário em construção. In: Estudos avançados em Arquivologia. Faculdade de Filosofia e Ciências da Universidade Estadual Paulista, 2012.

RIBEIRO, F. A arquivística como disciplina aplicada no campo da ciência da informação. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 1, n. 1, p. 59-73, jan./jun. 2011. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2016.

RODRIGUES, A. C. Diplomática contemporânea como fundamento metodológico da identificação de tipologia documental em arquivos. (Tese de doutorado) - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Universidade de São Paulo (USP). São Paulo. 2008.

RODRIGUES. G. M. Construindo um objeto de pesquisa em Arquivologia: algumas reflexões. Revista Informação Arquivística, Rio de Janeiro, RJ, v. 1, n. 1, p. 69-90, jul./dez. 2012.

RONDINELLI, R. C. A contribuição da diplomática para o fortalecimento dos estatutos epistemológicos da arquivologia na era digital (Slides). Fundação Casa de Rui Barbosa, 2014.

ROUSSEAU, J. Y.; COUTURE, C. Os Fundamentos da disciplina arquivística. Lisboa: publicações Dom Quixote. 1998.

SANTOS, V. B. dos. A Arquivística como disciplina científica: princípios, objetivos e objetos. Salvador: 9Bravos. 2015.

SCHIMIDT, C.M.S. Arquivologia e a construção do seu objeto científico: concepções, trajetórias, contextualizações. (Tese de doutorado)- Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação. Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, 2012.

SILVA, E. P. da. Estudos Históricos e Epistemológicos da Ciência da Informação. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 9. , Anais... 2010. Rio de Janeiro. Disponível em . Acesso em 3 maio, 2016.

TANUS, G. F. de S. C.; RENAULT, L. V.; ARAÚJO, C. A. A. O conceito de documento na Arquivologia, Biblioteconomia e Museologia. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, 2012. v. 8, n. 2, p. 158-174, jul./dez. Disponível em: . Acesso em 30 abr. 2016.

TOGNOLI, Natália. A Arquivística e a Ciência da Informação: um diálogo possível?. 2011. La Diplomatica. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2016.

TOGNOLI, N. B.; GUIMARÃES; J. A. C.. A organização do conhecimento arquivístico: perspectivas de renovação a partir das abordagens científicas canadenses. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 16, n. 1, p. 21-44, jan./mar. 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-99362011000100003. Acesso em 28 abr. 2016.

TOGNOLI, N. B.; GUIMARÃES, J. A. C. A diplomática contemporânea como base metodológica para a organização do conhecimento arquivístico: Perspectivas de renovação a partir das ideias de Luciana Duranti. In: CONGRESSO ISKO-SPAIN,9. Anais... Valência, 2009. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2016.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 ÁGORA ISSN 0103-3557

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia