Obras francesas na produção científica arquivística brasileira

Angélica Alves da Cunha Marques, Aline da Cruz Cardoso

Resumo


Este artigo se insere em um amplo projeto de pesquisa sobre a internacionalização da Arquivologia e a institucionalização da disciplina no Brasil. Resulta de um projeto de pesquisa menor acerca das obras arquivísticas francesas referenciadas nas teses, dissertações e TCCs sobre arquivos e∕ou Arquivologia, produzidos nos programas de pós-graduação stricto sensu brasileiros. Seu objetivo é compreender os movimentos da institucionalização da Arquivologia no Brasil a partir das contribuições da França, ao mapear a circulação de obras francesas no Brasil. Trata-se de uma pesquisa quali-quantitativa, exploratória, descritiva e explicativa, bibliográfica e documental. Os resultados apontam a predominância de livros e artigos científicos arquivísticos publicados na França, nos anos 1990, em francês, português e inglês. O ICA se destaca na publicação de normas para a descrição arquivística, assim como Duchein, autor que contribuiu para a institucionalização da disciplina no Brasil, por meio das suas visitas técnicas e das suas obras, de grande repercussão internacional. Esses resultados ratificam as tradicionais relações entre a Arquivologia francesa e a brasileira, demandando novos estudos que possam trazer mais subsídios para a compreensão dessas relações atualmente.


Palavras-chave


Arquivologia; arquivos; produção científica arquivística; obras francesas arquivísticas

Texto completo:

DOC PDF

Referências


BOULLIER DE BRANCHE, Henri. Relatório sobre o Arquivo Nacional do Brasil. Rio de Janeiro: Ministério da Justiça; Arquivo Nacional, 1975.

DIRECTION DES ARCHIVES DE FRANCE. Manuel d’Archivistique: théorie et pratique des archives publiques en France. Paris: Archives Nationales, 1991a.

DIRECTION DES ARCHIVES DE FRANCE. La pratique archivistique française. Paris: Archives Nationales, 1991b.

FONSECA, Maria Odila Kahl. Arquivologia e Ciência da Informação: (re)definição de marcos interdisciplinares. 2004. 181 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2004.

FRANCE (1979). Loi n° 79-18 du 3 janvier 1979 sur les archives. Gazette des archives, 1979, 104, p. 34-41.

MARQUES, Angelica Alves da Cunha. Interlocuções entre a Arquivologia nacional e a internacional no delineamento da disciplina no Brasil. 2011. 399 f. Tese (doutorado em Ciência da Informação) – Universidade de Brasília, 2011.

RODRIGUES, Georgete Medleg; APARÍCIO, Maria Alexandra. A pesquisa em arquivística na pós-graduação no Brasil: balanço e perspectivas. Cenário Arquivístico, Brasília, v. 1, p. 31-39, jan./jun. 2002.

SILVA, Eliezer Pires da. A noção de informação arquivística na produção do conhecimento em Arquivologia: 1996-2006. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Universidade Federal Fluminense, Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia. Niterói, 2009.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 ÁGORA: Arquivologia em debate

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ÁGORA: Arquivologia em debate
Universidade Federal de Santa Catarina, ISSN 0103-3557, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Licença Creative Commons Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional. Apoio técnico de Lepidus Tecnologia